Se você acha que as desenvolvedoras de jogos pretendem parar com as micro transações em breve, você irá se decepcionar com essa notícia.

De acordo com dados financeiros recentes da Activision/Blizzard, a empresa arrecadou o valor absurdo de mais de U$1.200.000.000,00 (um bilhão e duzentos milhões de dólares) apenas com as micro transações em seus jogos. E detalhe: tudo isso num período de apenas três meses (julho a setembro).

Esse valor representa um aumento de quase 70% sobre o valor arrecadado no mesmo período do ano passado. Para se ter uma ideia melhor, em 2019 no mesmo período foram arrecadados U$709.000.000,00 (setecentos e nove milhões de dólares).

No total, as micros transações representam mais de 60% de tudo que a empresa arrecadou durante esse período de tempo (no total a empresa arrecadou cerca U$1.95 bilhão).

Esse gigantesco aumento ocorreram em sua maioridade graças a Call of Duty: Modern Warfare (As vendas de MW em seu primeiro ano de vida foram as melhores de toda a história da franquia COD) e Call of Duty: Warzone, que venderam quatro vezes mais em micro transações do que no ano passado.

Call of Duty Warzone é considerado um dos principais responsáveis pela grande geração de receita.

Vale lembrar que a empresa também é dona de Candy Crush, jogo mobile também altamente popular, o que com certeza ajudou a aumentar esse número.

Lucrativa dessa forma, é mais do que provável que as micro transações permaneçam na indústria de jogos por um longo tempo.

O próximo grande lançamento da Activision é Call of Duty: Black Ops Cold War, que chega para PS4, PS5, Xbox Series S e X, Xbox One e PC no dia 13 de novembro.