Kena: Bridge of Spirits foi um jogo que surgiu repentinamente no ano passado, quando a Sony revelou o PS5. Desde então, foram revelados alguns detalhes da história e screenshots do game. Agora, foi dito que o jogo conta com várias influências asiáticas em sua estrutura, e os desenvolvedores por trás do projeto explicaram o que isso significa na prática.

Em entrevista à PlayStation Magazine (fevereiro de 2021), o co-fundador da Ember Lab, Josh Grier, falou sobre essa influência, mais especificamente de Bali. Ele disse que a cultura balinese foi uma grande inspiração para eles, e apontou especificamente para a música, que também ajudou a descobrirem a ligação entre o folclore de Bali e os temas do jogo. Vale lembrar que Bali é uma província da Indonésia, e também uma das poucas áreas de maioria hindu no país.

“Nossa compreensão e exposição à cultura balinese só veio depois que começamos a colaborar com o grupo Çudamani. Nosso compositor, Jason (Gallaty), estendeu a mão para Çudamani na esperança de incorporar seu estilo musical e instrumentos tradicionais na trilha sonora. Foi através dessa colaboração que descobrimos a incrível cultura balinese, que incluía semelhanças com o conceito central do jogo: ajudar espíritos presos a seguir em frente. A música é uma parte importante desse processo na cultura balinese e a colaboração com Çudamani nos ajudou a construir isso de forma autêntica.”

Kena: Bridge of Spirits está programado para ser lançado no PS4, PS5 e PC em algum momento deste ano.