The Last Of Us Part 2 roteirista comenta sobre cena deletada emocionalmente dolorosa

Jogos com um grande nível de produção, sempre acabam cortando algumas cenas que poderiam fazer parte da história do jogo, mas são excluídas por diversos motivos. The Last of Us Part 2 não é diferente, dois co-roteiristas do jogo comentaram sobre uma cena com um grande apelo emocional que foi deletada em The Last of Us Part 2.

Em conversa com o site Washington Post sobre o conteúdo cortado do jogo, Neil Druckmann e Halley Gross conversaram sobre uma cena em particular em que Joel e Ellie foram à casa de uma personagem que foi invadida por infectados.

Essa personagem era para ser a namorada de Joel, uma mulher chamada Esther. Por fim, ela é mordida e Joel pede a Ellie que pegue um pouco de água. Quando ela sai, um tiro é ouvido, além de trazer alguma ambiguidade ao que realmente aconteceu.

“E você não sabe se Esther se matou ou se Joel colocou uma bala na cabeça de sua namorada, mas você sabe que isso poderia acontecer”, explicou Halley Gross. “Que dois adultos estavam tomando uma decisão e tentariam proteger Ellie o máximo que pudessem.”

Parece que a cena faria parte ou substituiria a seção do jogo em que Joel e Ellie vão encontrar as cordas do violão no lançamento final. Embora o tom da cena corresponda ao que você esperaria do jogo e da franquia neste momento, ele foi cortado por não ter tempo suficiente para apresentar e desenvolver a personagem Esther, além de não se encaixar na narrativa geral do jogo como um todo.

Infelizmente, parece que Esther nunca vai conseguir ter seu espaço, já que aparentemente não há planos para uma DLC ou algo do tipo.

Leia Mais: Fãs de The Last of Us Part II estão criando covers incríveis com o mini game do violão