O lançamento de Cyberpunk 2077 foi realmente bombástico… em todos os sentidos da palavra. Embora o game estivesse sendo esperado há anos e a expectativa estivesse no ponto mais alto, a execução não parece ter sido tão boa quanto a maioria das pessoas esperavam.

Embora nos PC’s o jogo consiga ter um desempenho razoável, nos consoles da agora antiga geração (PS4 e Xbox One) o game foi lançado totalmente quebrado, de forma bem diferente do que a CD Projekt Red havia prometido. O fato da empresa polonesa não mostrar nenhuma gameplay do jogo nesses consoles antes do lançamento, as promessas de desempenho aceitável (que se revelaram falsas) e a recusa em enviar códigos do game para reviews pré-lançamento também contribuíram para que os fãs começassem a suspeitar de que a desenvolvedora escondeu o real estado do jogo propositalmente.

Recentemente, a CD Projekt Red emitiu um pedido de desculpas pelos erros, e disse que duas grandes atualizações chegarão ao jogo em janeiro e fevereiro, corrigindo a maioria dos problemas existentes no PS4 e Xbox One. A empresa ainda afirmou que aqueles que estão insatisfeitos com o produto e não desejam esperar pelos patches podem pedir reembolsos, mencionando que os jogadores que compraram o jogo digitalmente poderiam solicitar reembolsos da Sony e Microsoft.

Porém, parece que alguém “faltou ao ensaio”, pois os pedidos de reembolsos estão sendo negados… pelo menos no lado azul da força. Vários usuários foram às redes sociais para dizer que suas solicitações de reembolsos para Cyberpunk 2077 no PS4 foram negados pela Sony, que afirmou aos clientes que esse caso não se qualifica na sua política de reembolso da PSN, apesar da declaração da CDPR, e que eles devem esperar pelos patches de janeiro e fevereiro, que supostamente consertarão o jogo.

Cyberpunk 2077 está atualmente disponível para PS4, Xbox One, PC e Stadia.