ANÁLISE: State of Play apresenta novidades, mas decepciona os players

0
79
State of Play

A primeira edição do State of Play, nova plataforma de novidades do Playstation, ocorreu ontem, às 18h (horário de Brasília), no Youtube oficial do Playstation.

Porém, o público não pareceu estar muito feliz com o que foi apresentado nessa edição de estreia. A live durou pouquíssimo tempo (cerca de 20 minutos). E 1 hora depois do fim da Stream, já estava destacada a insatisfação do público: 7 mil dislikes no vídeo do evento.

O State of Play foi anunciado como uma alternativa a E3, evento do qual a Sony não fará parte, pelo menos nesse ano.

No geral, o evento foi seguido de um trailer atrás do outro. Mortal Kombat 11, Days Gone e Crash Team Racing foram alguns dos destaques.

Além disso, jogos exclusivos ou com suporte para VR foram anunciados. A grande novidade ficou por conta de Marvel Iron Man, que promete controles em primeira pessoa enquanto o jogador utiliza a armadura do herói da Marvel. Além dele, foi anunciada a data de lançamento de Blood & Truth, game que havia sido anunciado em 2017. E por fim, foram anunciados suporte VR para No Man’s Sky Beyond e Five Nights at Freddy’s VR.

As novidades não foram ruins, mas os fãs esperavam um “algo mais” por parte da Sony, seja com alguma novidade sobre os exclusivos em produção, como The Last of US II, Ghost of Tsushima e Death Streading, ou sobre a geração de console futura da empresa. Nada disso ocorreu, mas essa é apenas a primeira edição do State of Play. Porém, a Sony terá que usar algumas de suas cartas guardadas na manga se quiser surpreender e agradar os players em geral.

Veja a transmissão e tire suas próprias conclusões:

Veja abaixo tudo que rolou, separadamente:

Nota
Geral
6.0

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui